Instituto Cesar Cielo: incentivo à prática e ao desenvolvimento da natação brasileira

Único campeão olímpico da natação brasileira, Cesar Cielo tem um currículo que o credencia a desenvolver projetos na modalidade. Além de três medalhas olímpicas (Pequim/2008 e Londres/2012), conquistou 16 medalhas em Mundiais (Indianápolis/2004, Roma/2009, Dubai/2010, Xangai/2011, Barcelona/2013 e Doha/2014), 11 delas de ouro. É tricampeão mundial dos 50 m livre e bicampeão mundial dos 50 m borboleta e é também o recordista mundial dos 50 m (20s91) e dos 100 m (46s91), no estilo livre. É o mais rápido do mundo também na era pós-trajes (21s32). Soma, ainda, oito medalhas ganhas em Pan-Americanos (Rio/2007 e Guadalajara/2011), sete delas de ouro.

Para dar sua contribuição ao desenvolvimento do esporte também fora das competições, o campeão criou o Instituto Cesar Cielo em 27 de maio de 2010, com a missão de incentivar e promover a prática e o desenvolvimento da natação brasileira. Presidido pelo médico pediatra Cesar Cielo, pai do nadador, os objetivos do Instituto, definidos em estatuto, são:

  • Promover e incentivar a prática e o desenvolvimento do esporte nacional;
  • Empreender ações de divulgação do esporte nacional;
  • Empreender ações para ampliar o acesso à prática esportiva de qualidade;
  • Promover atividades esportivas, lúdicas e de lazer que visem ao desenvolvimento do esporte nacional;
  • Promover cursos, estudos, palestras e pesquisas;
  • Promover o desenvolvimento cultural e social do País;
  • Celebrar convênios, contratos e parcerias com entidades públicas e particulares, nacionais e estrangeiras, objetivando alcançar os objetivos da Associação;
  • Organizar arquivo, biblioteca, banco de dados, videoteca ou outros sistemas de informação especializados nas áreas relacionadas ao seu campo de atuação;
  • Captar e gerir recursos destinados a viabilizar o desenvolvimento das ações pertinentes à sua proposta de atuação e aos seus objetivos sociais.

INSTITUTO CESAR CIELO – ESTATUTO

BALANCO2014

DRE2014