O projeto do Instituto Cesar Cielo, em sua 4ª temporada em parceria com o COTP, tem o nadador do estilo medley na seleção que representa o Brasil em Indianápolis (EUA)

INST CESAR CIELO - Finkel 2017 | Foto: RicardoBuolin/PanamericaPress/ECP

ICC disputa seu primeiro Mundial Júnior com Kayky  Mota (Foto: Ricardo Bufolin/PanamericaPress)

 

O Novos Cielos/Centro Olímpico, projeto criado pelo Instituto Cesar Cielo, tem sua primeira participação no 6º Mundial Júnior de Natação, em Indianápolis, Estados Unidos, com Kayky Marquart Mota nadador de medley, a prova dos quatro estilos, que destacou foras-de-série como o norte-americano multimedalhista Michael Phelps e o brasileiro Thiago Pereira, dono da prata olímpica nos 400 m medley.

Promovido pelo Instituto Cesar Cielo, o Novos Cielos de São Paulo está em sua quarta temporada. Foi idealizado por Cesar Cielo, campeão olímpico, multimedalhista mundial e recordista mundial (dos 50 m e 100 m livre).

Kayky, que treina no COTP – parceiro do Instituto Cesar Cielo -, desde 2014, disputa duas provas no Mundial, os 200 m medley nesta quinta-feira (24/8/2017), e os 400 m medley, no domingo (27/8/2017). Luiz Fernandes Barbosa, coordenador técnico e treinador das categorias Juvenil, Júnior e Sênior, diz que Kayky está bem preparado e teve uma boa sensação nos treinos finais com a seleção brasileira na piscina de Indianápolis.

As melhores marcas pessoais de Kayky são 4min30s54 nos 400 m medley e 2min04s99 nos 200 m medley, ambas obtidas em maio de 2017 no Troféu Maria Lenk.

“Pela semana de treinos que ele fez, na véspera da viagem, em testes de tiros quebrados está muito bem. Sabemos que no Mundial encontrará competidores fortes – norte-americanos, chineses, japoneses têm ótimos atletas. Mas vai nadar para melhorar suas marcas pessoais”, afirma Luiz. O integrante do Novos Cielos se diz tranquilo apesar de estreante num Mundial.  “Eu trabalhei para estar no Mundial”, observa Kayky, que completou 18 anos no dia 22 de abril de 2017. “Espero buscar o meu melhor resultado, tentar ir a uma final e brigar por medalha.”

O Novos Cielos/Centro Olímpico, projeto aprovado pela Lei de Incentivo ao Esporte, em parceria com Prefeitura de São Paulo, tem apoio, em seu Ano IV, de Atlas Schindler, Mattos Filho, HTH e Sabemi Seguradora, empresas que investem no Brasil também pelo esporte.

INST CESAR CIELO - Finkel 2017 | Foto: RicardoBuolin/PanamericaPress/ECP

Instituto Cesar Cielo tem Kayky Marquart Mota no Mundial Júnior de Indianápolis (Foto: Ricardo Bufolin/PanamericaPress)