Aprovado pela Lei Paulista de Incentivo ao Esporte (LPIE) empresas de São Paulo podem destinar 3% do ICMS devido para o programa de formação pelo esporte

As empresas do Estado de São Paulo podem destinar 3% do ICMS devido para o Novos Cielos, projeto do Instituto Cesar Cielo aprovado pela Lei Paulista de Incentivo ao Esporte (LPIE), sob número 262/2014 (Diário oficial de 24/7/2015). Esse núcleo dos Novos Cielos será implantado em Santa Bárbara D’Oeste – cidade onde nasceu Cesar Cielo, campeão olímpico e tri mundial dos 50 metros livre.

Cielo começou a nadar, aos 7 anos, na piscina do ES Barbarense. O objetivo é que 120 crianças e adolescentes, em diversas categorias, tenham a mesma oportunidade.

O Instituto tem aprovação para captar R$ 762.545,80 para o núcleo de Santa Bárbara. Duas empresas – HTH e Usina Furlan – estão entre as que já optaram por apoiar o projeto cuja missão é incentivar e promover o desenvolvimento da natação brasileira.

“É claro que queremos que daí saiam campeões para o Brasil, mas esses jovens podem ter no esporte uma opção de bolsa de estudo para o futuro”, diz Cesar Cielo, que tem em seu currículo 3 medalhas olímpicas (incluindo a única de ouro da natação do Brasil e 2 de bronze), 16 medalhas conquistadas em Mundiais (11 de ouro, 1 de prata e 5 de bronze) e 8 em Pan-Americanos (7 de ouro e 1 de prata).

A contribuição pode ser feita diretamente pela empresa no site do Governo do Estado de S. Paulo. As áreas contábeis que precisarem de informações podem contatar os gestores Alessandro Serrato (aserrato@sportscommunications.com.br e 11 99689 8867) e Flávia Cielo (flcielo@hotmail.com e 19 3629 0916).

O Novos Cielos tem um núcleo em funcionamento no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, da Prefeitura de São Paulo, com 124 crianças e jovens, em projeto aprovado na Lei de Incentivo ao Esporte do Governo Federal.